Saiba o que é preciso para se tornar um vencedor

News3

Cuidar da vida espiritual e conservar a comunhão com Deus são tão importantes quanto o cuidado com o corpo, uma vez que alimentando o espírito o cristão se fortalece e não cede tão facilmente às emoções e sentimentos da carne. No entanto, para estar mais próximo de Deus e saber qual é a Sua vontade, é preciso manter alguns valiosos hábitos. 

Para o bispo Júlio Freitas, algumas ações são valiosas e podem transformar a vida espiritual de todo cristão. “A primeira coisa que devemos fazer para guardar nossa comunhão com Deus é orar. Quando oramos expressamos o que está dentro de nós. A segunda é a leitura, meditação e prática da Palavra de Deus diariamente e a terceira é jejuar”, afirma.

A Noite dos Vencedores

Durante a Noite dos Vencedores, que acontece todas as quartas-feiras, na Universal da João Dias, em São Paulo, o bispo Júlio comenta sobre este e outros assuntos relacionados ao avivamento da fé e ao fortalecimento espiritual. “As pessoas que participam dessa reunião buscam se aproximar do Criador de forma sincera, prática e pessoal. Há promessas para atender a todas as nossas necessidades, mas a principal de todas é a Salvação”.

A reunião ocorre em todos os lugares onde existe uma Universal, no Brasil e no mundo. “Em países da América do Sul, nos Estados Unidos, na África, no Oriente Médio e em vários países da Europa o encontro acontece há mais de 27 anos. Aqui na João Dias, em São Paulo, ou na menor igreja do norte do País, a pessoa pode participar e se beneficiar da mesma Palavra”, afirma o bispo.

O objetivo é levar as pessoas a estarem mais próximos de Deus. “A reunião é para aqueles que querem aprender e praticar a Palavra de Deus e ter um encontro pessoal com o Senhor Jesus através do Batismo com o Espírito Santo. Estes são os que não aceitam se dobrar para as tentações, tribulações, perseguições, injustiças. Todos são bem-vindos”, afirma o bispo.

E, para quem acha que não existe nenhuma relação entre a vida espiritual e a física, o bispo esclarece: “Quem fracassa na vida espiritual vai sempre ter um desequilíbrio nas outras áreas da vida. A vida espiritual é a base, o ponto de equilíbrio, quando ela é bem cuidada, então a pessoa tem estrutura para lidar bem com qualquer adversidade e qualquer assunto.”

O bispo explica ainda que, para ter uma vida espiritual abençoada, é preciso ser forte e determinado. “Muitas pessoas almejam as bênçãos e não querem se comprometer e fazer as renúncias que a fé exige, estas até têm acesso a uma pequena porção das bênçãos de Deus, e geralmente são conquistas passageiras. Por outro lado, quem busca a Deus e uma comunhão com Ele, com todo o seu entendimento, razão, inteligência e sabedoria, recebe um pedaço do Reino dos Céus dentro de si, uma vida cheia de realizações, e ter acesso às bênçãos torna-se uma consequência, finaliza.

Por Eduardo Prestes / Fotos: Marcelo Alves

Compartilhe:

Deixe seu comentário